Powered By:
Android Advice

Diário de Solteiro

Mulheres: Do que realmente elas gostam?

Publicado por Leitor em 11 setembro, 2010 às 12:10 am | 79 comentários

Tags:

Por Paulo H

Há algum tempo uma coisa vem me preocupando muito. Por que só os safados e cafajestes se dão bem com as mulheres? Por que só quem não as levam tão a sério são os que realmente “as levam”?

O que mais me deixa triste com as mulheres é que elas falam uma coisa mas querem ou, pelo menos, são atraídas inconscientemente por outra. É bom deixar claro que não estou falando de você, mulher que está lendo esse texto, nem de suas amigas e parentes. Me refiro aos outros 90% das mulheres. Aquelas que você não conhece. Por isso, não se ofenda. (há!) Brincadeiras a parte, eu acredito mesmo que existam mulheres diferentes, eu só não as conheço ainda.

Toda mulher tem o mesmo discursinho enjoado. Devem aprender isso ainda na escola, numa hora em que nós, meninos, não estamos por perto. Todas dizem que gostam de caras fiéis, sérios, que demonstrem o quanto as amam, atenciosos, respeitosos, enfim, tudo isso que todos sabemos. Balela! O que mais se vê por aí é um bando de caras assim, do jeito que elas “gostam”, chupando dedo enquanto malandrões sacanas estão nadando de braçada. Antes que pensem: Ah! Esse cara é do bando dos bons que não arrumam mulher e vem aqui chorar as pitangas. Eu digo: Sim, sou desse bando, por vocação, mas entrei no outro, por opção.

Tudo que vou falar são experiências minhas, mas durante longos anos de observação pude ver tudo se repetir também com outras pessoas, principalmente amigos meus. Felizmente tenho um ótimo circulo de amizades e ali posso ver claramente que, aqueles mais relapsos e que mais “aprontam” são os que tem mais mulheres “no pé” ou tem a namorada/esposa mais devotada. É batata!

Sempre amei e admirei muito as mulheres. São seres lindos e tenho paixão por todas elas desde que me entendo por gente. Toda essa minha admiração me permitiu ter amigas mulheres desde a adolescência. Amigas mesmo, sem interesse sexual de nenhuma das partes (pelo menos na maioria das vezes :) ). Mas foi nessa que eu me ferrei de verde e amarelo. Caí no papo do “gosto é de homens fiéis, sérios e respeitosos blá blá blá” e comecei a me sentir orgulhoso por ser assim naturalmente, sem esforço. Fui criado dessa forma. Me mantive firme na postura, acreditando sempre que estava fazendo a coisa certa e que as mulheres hora ou outra veriam isso e me valorizariam. Pois bem, muito tempo passou e nada aconteceu. Fiquei vendo navios muuuito tempo. O que estava errado então?

Certa vez pude escutar um amigo que se dava muito bem nas baladas chegando numa garota. O cara se transformava totalmente! Fingia-se de descontraído e comunicativo, usava um  palavreado todo descolado, dava uma de malandro, esperto, enfim, era tudo o que ele não era no dia a dia.

Pensei: Aí ta meu erro!!! Não to chegando bem nelas. Vou fazer o mesmo que ele. Vou me fingir de “descoladaço”. Pra minha surpresa e alegria já deu certo na primeira tentativa. Outros sucessos vieram. Que maravilha, tinha achado o segredo da felicidade. Era só eu fingir ser o que eu não era que eu conseguiria ganhar as garotas (ou algumas delas pelo menos). Estava fácil demais. Eu “pegava a mulher” e com alguma que rolasse um algo a mais eu poderia voltar a ser eu mesmo, com minha natureza fiel, respeitosa, e amá-la com tudo que posso!! Eu estava errado, de novo.

Me apaixonei por uma menina com quem eu estava ficando. Crente que tinha um grande trunfo nas mãos, comecei a falar e demonstrar aquilo que, até então era pra mim, tudo o que uma mulher queria de um homem. Nem um par de meses se passou até ela me confessar que não conseguia esquecer um ex-namorado. Um cara que a tinha traído muitas vezes e pouco se lixava pra ela. Pra mim só o pé-na-bunda! Ponto pro safado, que tinha a garota a disposição quando bem entendesse e porrada no trouxa aqui que levava a mulher a sério. Mas tudo bem… Mais um caso semelhante me aconteceu até que um dia, mesmo que sem querer, me ocorreu o inverso. Estava ficando com uma garota que me interessava muito. Vou chamá-la de Adriana. Quando a gente se via, a gente ficava. Já escaldado pelas lambadas anteriores, eu estava evitando qualquer coisa mais séria. Um belo dia fui a um show e acabei ficando com uma outra garota. Eu não sabia que a Adriana estava lá. Mas estava e viu tudo.

Quando a encontrei, numa outra balada e fui tentar ficar com ela de novo recebi o esculacho que eu, em parte, merecia. Mas (quem diria!!) a gente se entendeu! Ficamos de novo e um mês depois éramos namorados!! Que lindo não??? Desta feita, mesmo muito apaixonado omiti “aquelas” minhas características e tentava meu máximo pra que ela não soubesse que estava segura e que eu jamais a trairia. Resultado: Ela se ligou a mim de uma forma tão intensa que me sufocava. Terminei o namoro 1 ano e meio depois, mas 1 ano ainda se passaria até ela me esquecer e partir pra outra. Me perseguia, me vigiava, mandava recadinhos, presentes, etc. Vocês já sabem o porquê, não sabem?

Muito tempo depois, outro namoro veio. Infelizmente não quis acreditar nas experiências que tive e mesmo sabendo o que podia acontecer. Fui sincero. Deixei rolar tudo que sou e tenho como valor, e de novo fui abandonado. Pelo menos dessa vez ela só se cansou de mim mesmo, não teve ex-namorados cafajestes na jogada. Mas tenho certeza que se eu tivesse vestido a fantasia do safado eu ainda estaria com ela, afinal, elas não querem um camarada correto!

Desde então tive vários pequenos relacionamentos, sempre com o modo safadão ligado, é claro! Não cheguei a me interessar muito por ninguém, mas o fato é que não me desiludi mais e nem fui abandonado novamente. Senti mais interesse das mulheres com quem me relacionei, isso é bom, mas fingir o tempo todo tá ficando insuportável.

Antes de jogarem as pedras eu só peço pra vocês, mulheres que lerem isso e por algum motivo não se identificarem com nada escrito (vocês são raras!), pensarem se realmente não conhecem pelo menos uma mulher que age assim, falando que quer uma coisa, mas é atraída completamente por outra. Já tomei muita esfregada de mulher nas rodas em que eu falo sobre isso!

Abraço a todos.

Related Posts with Thumbnails

Comentários do Post

  1. Ellen comentou no dia 11/set/2010 às 12:35 am

    Muito bom o post, parabéns Paulo H.
    Entendo perfeitamente o que você diz, e é assim mesmo que as mulheres agem, difícil entender mais difícil ainda explicar.
    Hoje não me identifico com seu texto, mas 10 anos atrás fazia exatamente o mesmo que as colegas que você citou.
    Aos 30 consigo fugir das ciladas e prefiro estar só, a enfrentar esses tipinhos canalhas.
    Hoje sou eu mesma, mais direta e sincera que antes, recomendo que você faça o mesmo, minha resolução agora é antes só que mal acompanhada.
    Usar máscara para começar um relacionamento é sinal de que você certamente está mal acompanhado.
    Abraços

  2. Ana comentou no dia 11/set/2010 às 12:45 am

    Deveria ter um texto desses escrito também por uma mulher….porque mulher bozinha e maravilhosa também está sozinha…a gente sempre escuta…”é maravilhosa, mas…….” engraçado é ser tão maravilhosa e o “mas” normalmente prevalecer.

  3. Tati comentou no dia 11/set/2010 às 12:54 am

    Eu sinceramente gostaria de não estar nesses 90%, mas inconscientemente ajo assim. Mesmo reclamando o tempo todo que os homens também não gostam de meninas sinceras e boazinhas, não consigo me sentir atraída pelo bom moço. E, claro, isso significa se ferrar, ser traída, dividir a atenção com outras pessoas e interesses… e ainda assim ser ligada no cara.

    Apesar disso, concordo com o que tu diz sobre ser insuportável fingir por tanto tempo. Máscaras todos usamos, mas quando é preciso manter o personagem por muito tempo, certamente somos nós mesmos que estamos perdendo o jogo.

    Excelente texto!

  4. Rafael comentou no dia 11/set/2010 às 1:03 am

    Assino embaixo desse seu texto, com nome completo, rg, cpf, tipo sanguineo e o que mais for necessário pra dizer que concordo com você, Paulo.
    Claro que para toda regra há a excessão.
    Eu acho que desisti mais rápido que você de demonstrar o lado safado, ou galinha, ou como queiram chamar… Hoje, prefiro ficar com várias pessoas por pouco tempo a ponto de um dia achar alguém que aceite assim, pode ser que eu demore mais um mês ou pode ser que eu demore mais 10 anos.

    Não tenho pressa, não me iludo achando que toda mulher que me dá um pouco mais de bola vai me querer por mais tempo. Afinal, dependendo do caso… não sou cafajeste o bastante.

  5. ely comentou no dia 11/set/2010 às 3:27 am

    Hahahahahaha
    Gostei do post, eh #fato
    “Endorfina eh igual homen safado, vicia!”
    Mulher q nao admite q sempre eh atraida primeiro
    Pelo safadao nao eh digna de querer nda!!!
    Hahahahahahaha (6)
    =*

  6. patty comentou no dia 11/set/2010 às 4:25 am

    hmmmm…certo, então todas aquelas mulheres que estão namorando hoje estão namorando cafagestes? eu só queria saber… se 90% das mulheres só querem cafagestes… porque a gente só vê mais homem gordo e feio com mulher magra e bonita? por que existe essa ideia de que mulher só quer casar e homem “putariar”? 90% das mulheres só querem cafagestes né? se 90% das mulheres querem cafagestes 100% dos homens só querem gatas gostosas.

  7. Anónima comentou no dia 11/set/2010 às 6:35 am

    Gostei muito do post.

    Conselho nunca deixes de ser a pessoa que és. Lá porque existem muitas mulheres que gostam de cafagestes nao significa que tu nao tenhas valor, um dia hás de encontrar a tal que te vai dar valor acredita. Até lá resta te ser feliz mesmo sozinho.

    Eu como mulher nao sou como o grupo dos 90%, contudo sei que existem mulheres assim, ou que mesmo nao estando com esses homens eles as atraem. Pode parecer confuso, mas existe. O certo que é também existe mulher boa sim, e fiel. Algumas sao atraidas pela adrenalina, pelo perigo talvez. Enfim..as mulheres sao confusas lol Se bem que alguns homens também o sao. Mas cada um sabe de si.

    Acho que como és, mentido para atrair alguém, tu é que vais sofrer, por isso nao vale a pena a serio. Digo sê quem tu és, alguém com valores porque embora haja quem nao dê valor, existem outras pessoas que dão.

    Olha falando de mim, só aos 28 encontrei a pessoa certa, alguém que me dá valor pelo que sou, assim como eu dou a ele. É alguém que partilha maneiras de ver o mundo semelhantes, e que me complementa, sendo que se fossemos mesmos iguais também nao dava né. Bem…até aos 27 nunca tinha namorado, e até lá achava que nao tinha grande valor, enfim… :P mas vejo que pode demorar mas depois vale muito a pena. Nunca desistas ok!

    Fica bem
    Jinhos

  8. Iggor comentou no dia 11/set/2010 às 10:34 am

    Parabéns Paulo H. !!! Muuito bom o post.

    Adorei o “modo safadão ligado”.
    E tenso saber disso, mas no fundo uma grande maioria das mulheres se ligam bem mais nos caras ‘’safadões”

  9. Henrique comentou no dia 11/set/2010 às 12:23 pm

    Crianças…

  10. Cristiane comentou no dia 11/set/2010 às 12:51 pm

    O pior… é que você tem razão! ;(

  11. Rodrigo comentou no dia 11/set/2010 às 2:28 pm

    Parabéns pelo seu texto Paulo H, eu também assino embaixo até com 3 copos, hahaha!

    Eu já levei muitas pedradas de moças por isso… Mas conforme o tempo foi passando eu acho que depois dos 25, 27 anos, a mulher se desliga do modo safadona e tenta achar alguém mais parecido com o que você (e eu) é, para finalmente casar e não ficar solteira.

    Há exceções porque existem mulheres que gostam de adrenalina, mas todas em geral gostam de emoções fortes a todo momento. É isso que elas sentem falta durante o casamento e é isso que elas encontram em homens safados.

    Acho que mulheres odeiam casamentos e segurança, quem mais procura segurança são em sua maioria homens e mulheres que ainda não ligaram o “modo safadona”. Por isso que costumo dizer que mulheres adoram se sentir inseguras…

  12. ricardo comentou no dia 11/set/2010 às 2:45 pm

    Infelizmente é verdade, eu só comecei a ”pegar” mulher depois que eu aprendi algumas artimanhas dos meus amigos safados. Depois a minha fama de galinha chegou nos ouvidos de outras mulheres aí sim é que eu peguei mais mulher. vai entender!

  13. Amanda comentou no dia 11/set/2010 às 3:33 pm

    Mulher so da valor pra homens “bonzinhos” depois que são pisadas…FATO!

  14. Carlos Henrique comentou no dia 11/set/2010 às 4:16 pm

    @Participante avulso
    Gostei do post e da sua experiencia. Acredito que muitos homens “do bem” já passaram por situação similar. Contudo tenho algumas resalvas, pois na minha humilde opinião: O que as mulheres desejam no homem “Cafajeste”?
    Tem várias respostas, mas a principal é ATITUDE e SABER O QUE QUER.

    Pois já fui o tipo bonzinho, mas acabei sendo “bobo”. A partir do momento que externalizei meus desejos e transformei isso em ações e atitudes concretas, passei a ser notado e relacionar com diversas mulheres interessantes e que estavam a procura de um cara ativo “cafajeste”.

    Nunca precisei de usar mascaras para ser algo que não sou (pois no fim das contas, a casa cai…), apenas ajo claramente com firmeza e determinação, isso transmite segurança e confiança. E essas são coisas que o cafageste tem e que os bonzinhos devem aprender.

  15. Cassia comentou no dia 11/set/2010 às 4:24 pm

    Concordo ..mto bom o post!
    Com o passar do tempo vc vai ficando mais vacinada com esse tipinho e, em alguns momentos até cria coragem pra falar “pq vc ta agindo assim?”…

    Enfim, tbm desde que o mundo é mundo acontecem coisas que não conseguimos explicar….

    Tbm concordo com o “mas…” escrito em um dos comentários, e´legal, inteligente, bonita, simpática…praticamente a nora que mamãe pediu, mas…………..boazinha demais!!

    Homens de plantão tbm sofremos com isso!!!

  16. Gabriela Brito comentou no dia 11/set/2010 às 5:17 pm

    Sou mulher,mas concordo com você!
    Porque eu,no fundo,sou uma mulher fiel,respeitosa,carinhosa e isso só me levou ao sofrimento! Virei “safadona” por opção! Cansei de ser humilhada,maltratada,levar foras de namorados! Mas,no fundo,sei que um dia ainda vou encontrar uma pessoa que me respeite e me trate com carinho! Mas… Eu moro no Rio! Se você for daqui,quem sabe um dia a gente se encontra….

  17. Cris comentou no dia 11/set/2010 às 5:55 pm

    Concordo em partes… Geralmente depende da idade da mulher.
    Se ela é madura (como eu que tenho 3.0), na maioria das vezes quer algo sério. Pra mim os cafajestes já saíram de moda. E eu admiro um homem que dá valor pra mulher que tem. E se valoriza também, dando preferência pra qualidade e não pra quantidade.

  18. Renato comentou no dia 11/set/2010 às 9:07 pm

    Genial o post! Só tenho a acrescentar que fora do Brasil é a mesma coisa. As mulheres são todas iguais. rsrsrs…

  19. carol comentou no dia 11/set/2010 às 9:36 pm

    Acho que você tem procurado nos lugares errados…

  20. Murdock comentou no dia 11/set/2010 às 9:51 pm

    É, eu ainda sou como você era, nunca consegui mudar mas hoje estou namorando.

    Acontece que a sensação de não ter o cafajeste faz a mulher ficar atrás enquanto o outro é presa fácil. Sem falar que o cafajeste tem sempre a atitude que elas sempre querem enquanto os outros de repente acham que, por serem o que elas sempre disseram sonhar, tem o que é preciso para conquistá-las.

  21. Rosi comentou no dia 11/set/2010 às 10:09 pm

    Posso dizer que concordo com você, e ainda que por muitas vezes fui igual ou parecida com essas mulheres que você citou. Mas, o mais estranho é que eu não encontro os homens bonzinhos e fiéis, e olha que eu já procurei viu, acho q estão extintos!!!! Ou então, gostam de mulheres safadas e infiéis, e por isso estão por ai sofrendo!!!

  22. loiralien comentou no dia 12/set/2010 às 6:16 am

    mulher adora uma competicao. pegar um cafa e como um trofeu. já o bonzinho..e aquela historia: carinho vc recebe de pai e mae. homem tem q jogar na parede e chamar de lagartixa

  23. Piero comentou no dia 12/set/2010 às 6:32 am

    Hahahahaha muito bom texto

    Como ja dizia o lendario Charlie Harper: A melhor maneira de evitar seu coracao de ser quebrado, eh pretender que voce nao tem um :)

    Mas meu, se vc nao gosta de ser safado, vc nao tem que fingir ser o q vc nao eh nao. Soh faca um balanco entre o voce bonzinho e o voce safado. ja vai funcionar de boae vc nao tem que por a mascara do tesao

    abraco

  24. Piero comentou no dia 12/set/2010 às 6:33 am

    loiralien : carinho vc recebe de pai e mae. homem tem q jogar na parede e chamar de lagartixa

    HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAA
    fez minha manha de domingo kkkkkkkkk

  25. Viviane Mclean comentou no dia 12/set/2010 às 11:32 am

    Paulo, uma coisa que minha bisa dizia e que veio até a minha geração é que: homem só dá valor pra mulher que não vale nada, que pisa nele e que faz ele de gato e sapato. Já comprovei isso DIVERSAS vezes, principalmente na minha família. Acho que isso vale pro inverso tb.

    É chato saber que não podemos ser nós mesmos pq não vamos ter um pingo de valor. Algumas continuam sendo elas e sofrendo igual uma louca até cansar, outras conseguem virar o jogo.

    Eu queria conseguir virar o jogo, já tentei, mas minha natureza não ajuda, então…

  26. Carol comentou no dia 12/set/2010 às 1:34 pm

    Então…lendo seu post fiquei pensando o quanto a gente é difícil de entender mesmo..vou falar por mim que é quem pelo menos eu tento entender de vez em quando…

    Acho que mulheres tem momentos…tem momentos que vc quer ouvir umas palavras mais “brutas” ser pega pela cintura de jeito na balada e ser colada na parede…esse é o dia que vc tá com fogo e isso e só isso vai te satisfazer…quem sabe um algo a mais…e se vc chegar em mim na balada com um papo mais fofo eu vou achar legal pq vou pensar “cara, ainda existem homens assim” mas vou passar a bola sabe…pq naquele dia não é pra mim…

    Agora se vc me pega num dia normal, eu vou achar legal o papo, vamos trocar telefone, vou te conhecer melhor e se tirando a parte de ser um cara modelo, vo ver se a gente tem coisas em comuns que nos atraiam e pronto…pode até rolar namoro e tudo mais…

    Mas no geral depois que vc namora…é como disseram aqui já…a gente quer um cara legal, aquele que não dá vergonha de apresentar pros pais, que é companheiro, que se diverte junto na balada, que é parceiro mesmo mas que em quatro paredes joga todo o juízo e o bom moço pro quinto dos infernos e aí só Deus sabe o fim…

    A verdade é isso…é equilíbrio…mas tb concordo que mulher gosta de homem que pisa em cima…pq a gente gosta de copnquistar, de ser conquistada…de sentir frio na barriga quando chega mensagem e quando o ceullar toca…

    A vdd é´: mulheres são bobas e raramente sabem o que quer, acho válido vc ser vc mesmo e tentar a sorte, alguém vai dar certo seja só pra uma noite de sexo ou pra namorar…

  27. Andréa comentou no dia 12/set/2010 às 8:10 pm

    Já fui a boazinha e já tive um bonzinho prá mim. O que acontece é que o bonzinho sempre está muito disponível, vc chama e ele(a) aparece. Dá a impressão q vive em sua função, vc já conquistou. Não é maltratar a pessoa, mas não pode dar muita segurança senão desestimula muito.

  28. Nati comentou no dia 12/set/2010 às 9:20 pm

    Parabéns pelo ótimo texto!! Adorei tudo que disse e concordo que a maioria das mulheres são assim, e tbm existem mtos homens que se atraem pelas mulheres que não estão nem aí pra eles…na verdade isso faz parte da nossa natureza.

    Acho que a maturidade e o tempo nesses casos é que são responsáveis pela mudança, hoje com 25 anos não vou dizer que um cafajeste não me atraia, pq atrai sim, mas não faço questão de tê-lo na minha vida. Hoje só fica do meu lado quem merece estar, e tenho ctz que existem sim exceções tanto pra mulheres qto pra homens =)

    Beijoooos

  29. B comentou no dia 12/set/2010 às 11:13 pm

    è meu amigo
    muito bem falado, nós fazemos exatamente isso, mas vc só está se esquecendo de um pequeno detalhe: vcs fazem igual!
    Só dão valores as mulheres que pisam…

  30. Tabaquara C. Filho comentou no dia 13/set/2010 às 2:03 am

    Cara, não quero nem ler os comentários pra não me irritar mais.
    Até entendo teu dilema, mas acho que tu faz muito mimimi nesse teu desabafo. Eu sou um cara romântico, mas optei por ser sem vergonha várias vezes na minha vida. Mas aceitei que isso vem com consequências, e decidi ser sincero todas as vezes. Tu por outro lado fingiu ser alguém que tu não queria ser pra se dar bem, por isso tu ficou decepcionado. A culpa da tua frustração não é delas, nem dos cafas, e sim só tua.
    Enfim, te entendo, mas não concordo com a tua lamúria.
    Espero que entendas o que eu digo com bons olhos.
    Abraço!

  31. Tabaquara C. Filho comentou no dia 13/set/2010 às 2:06 am

    Alias, meu conselho (muito pretencioso da minha parte querer te indicar uma “solução” pro teu dilema) é que tu aceite tudo de bom que tiver nos dois mundos, do cara romântico e dos cafas, e sempre que tu gostar de uma mulher, fala isso de cara. Se ela resolver ir atrás de um cafa, dai tu pega outra guria e manda ela pastar! Opções nesse mundo não faltam! :)

  32. Felipe Gomes comentou no dia 13/set/2010 às 11:06 am

    Acho que as mulheres não gostem exatamente do cafajeste.
    Mulher gosta de homens que saibam dar valor à ela ao mesmo tempo que deixa claro que ela não é a última opção no mundo. Mulher gosta de homem que sinta saudade dela, mas que também saiba deixá-la sentir falta dele. Mulher gosta de cara com pegada, de cara que beije bem, que transe bem, cara com postura, inteligente e por aí vai.

    Todo homem é capaz de proporcionar essas coisas às mulheres, mas, geralmente, as coisas mais interessantes, só os cafajestes oferecem, justamente por terem mais experiência com as mulheres.

    Os bons homens, por serem tímidos, sem tanta atitude, sem malícia, acabem se relacionando menos. Por isso são passados pra trás, lhes falta experiência, malemolência.

    Eu sei bem do que eu falo, pois já estive dos dos lados (bonzinho e cafajeste). Hoje em dia eu encontrei o meu melhor lugar, que é o meio termo. Sou quem eu gosto de ser, não me faço de nada e não tenho do que reclamar sobre ser passado pra trás pelas mulheres ou perder pra algum safado. Porque eu sei ser as duas coisas ao mesmo tempo, na mesma pessoa, sem precisar me fazer de nada! :)

    Belo post, Paulo.
    Nos mande textos mais vezes!

    Um abraço,
    Felipe Gomes.

  33. L. comentou no dia 13/set/2010 às 12:20 pm

    Mulheres são complicadas mesmo rs. Eu admiro todas as qualidades que os bonzinhos têm, mas as vezes me sinto atraída pelos cafajestes. Cafajestes normalmente têm muita atitude, pegada forte, sabem muito bem o que querem e não desistem fácil, são divertidos, são tão seguros de si que transmitem segurança para mulher (em alguns aspectos) e acabam deixando uma dúvida na mulher. Por outro lado, muitos bonzinhos confundem sensibilidade com falta de atitude. Explico: tem dias que a gente quer uma pegada mais forte e os bonzinhos preferem ficar de “amorzinho”. As vezes se mostram tão sensíveis que a mulher se sente o homem da relação. Quem tem que ficar de drama e começar D.R sou eu! E não o homem que está comigo… (pensamento machista, mas é verdade). As vezes os bonzinhos se mostram tão sensíveis que as mulheres até ficam em dúvida se eles realmente teriam condições de protege-las em determinadas situações.
    Mulher é por natureza competitiva. Muitas vezes o bonzinho parece fácil e a mulher quer um homem difícil, aquele que todas querem, mas só ela pode ter (é o que ela acha rs). Enquanto o bonzinho transmite a sensação de estar sempre disponível, não fica dúvida, e perde um pouco a graça. Uma pequena dúvida é boa para a relação.
    Uma mistura entre as qualidades dos cafajestes e dos bonzinhos seria perfeita! rs.

  34. Vivian comentou no dia 13/set/2010 às 1:57 pm

    Primeiramente, parabéns pelo post! Eu não costumo comentar, mas nesse texto eu fiz questão. É duro admitir, mas você está coberto de razão e eu infelizmente faço parte dos 90% de mulheres tontas que arrastam um caminhão por um cafajeste-malandro-tô-nem-ai-pra vc.
    O que mais me intriga é que eu não fui sempre assim, pelo contrário, sempre que algum destes cafas se interessava por mim eu fazia questão de dar um chega pra lá só para mostrar pra ele que não estava com essa bola toda, inclusive namorei com um garoto super bonzinho por 4 anos, e a “bondade” era reciproca rs.
    Hoje em dia continuo sendo boazinha, pq assim como vc tenho meus principios e ainda acredito que um dia alguém dará valor pra isso, mas é impressionante como caio de amores por um tranqueira e pego nojinho de um bonzinho fácil.
    Espero me curar logo desse mal, pq esse meu gosto esquisito só tem me feito quebrar a cara sempre e sempre!
    Beijo!

  35. Robs comentou no dia 13/set/2010 às 3:31 pm

    Bom post. O relato foi muito bem contado, portanto parabéns. Minha opinião em relação a esse assunto é bastante óbvia, porém, eu me esforço pra enxergar as da seguinte maneira. Existem frases e verdades que nós construímos pra facilitar o entendimento das coisas. Frases como “bonzinho só se fod*, cafajeste que se dá bem” e as verdades dessas frases acabam sendo constatadas com relatos como o seu. Esse processo de construção é válido, porque permite como eu disse anteriormente; definir padrões de comportamento sejam eles masculinos ou femininos. Mas mesmo assim, com esse mar de constatações, ainda existe um “porém”. E esse “entanto” se define em um aspecto bem mais simples do que todas essas frases. Resume-se no “desejo”. Quando um cara diz: Que é um homem cavalheiro, respeitoso, bonzinho, “perfeito”. Eu já fico com a pulga atrás da orelha porque essa noção de perfeição é muito equivocada na maioria das vezes. Porque nós como seres humanos incompletos (me chamem de capitão óbvio XD), não possuímos essa perfeição. Essa perfeição de moral e valores, na maioria das vezes é apenas uma noção que você possui sobre si mesmo e quer que o outro valorize isso da mesma forma que você. É daí que nascem as frustrações, já que o outro nunca vai conseguir ter essa mesma noção. Você nunca vai ser valorizado da forma que espera. E isso acontece demais com quem se considera “bonzinho”. E de uma forma mais honesta possível, se você oferece o que acredita ser a perfeição de você a uma mulher, simplesmente não possui mais nada a oferecer. Não existe uma provocação de sua parte naquela mulher que a provoque a ter “desejo” há mais por você. Honestamente, é claro que respeito o seu relato, mas nós às vezes só vemos as coisas que acontecem conosco do nosso único ponto de vista. Cafajeste, bonzinho, são apenas nomenclaturas. Atitude, ter boa pegada, ser tímido, são só características, ninguém é 100% o tempo inteiro assim. Você é o que você é, porém todos os adjetivos que você se dá, é apenas você que acredita neles. Não têm como você esperar que outra pessoa também pense assim. Quando você olha para um homem que você coloca como “cafa” ou quanto você acha que ele pensa sobre si mesmo? Muito pouco. Porque o único interesse ali pra aquele cara é verdadeiramente oferecer algo especial pra aquela mulher e em troca conseguir o que quer, mas ali mesmo com todas essas definições que colocamos naquele cara, ele realmente está oferecendo algo, tanto que atiça o desejo dela. Daí partimos pra simplificações e afirmações: “Cafas* pegam mais mulher, outros não. Quando eu fui cafa* eu pegava mais mulher, elas me valorizavam mais.” acontece que ela não te valorizavam porque você era um Cafa*. Elas te valorizavam mais, porque sendo assim, você se mostrava um cara com carisma, falando o que aquela mulher quer ouvir mesmo não sendo verdade, um cara que é atraente ou que pelo menos busca isso em si mesmo. Mas acima de tudo um cara “imperfeito” no que TANGE o fato de que estava desvinculado dessa noção pessoal de perfeição de valor que você acredita que deve ter para uma mulher te querer. Mulheres, homens, todos só valorizamos aquilo que não se coloca abaixo de nós. Nossa sociedade foi construída assim. Mas isso também não quer dizer que você tenha que se colocar falsamente acima dos outros. O lance é que você se colocar onde você se sente bem. Seus valores, o único que têm que valorizar isso, é você mesmo e pronto.

    Desculpem-me pelo texto enorme e prolixo, mas essas eram as considerações que gostaria de dar. Abraços a todos

  36. gabriel comentou no dia 13/set/2010 às 7:22 pm

    hum.. isso faz sentido, isso explica pq geralmente acabo me relacionando com mulheres bem mais velhas…

  37. Patricia comentou no dia 13/set/2010 às 8:50 pm

    Oi Paulo, onde você esta escondido? é o homem que eu peço a Deus.
    Gostei do seu post e entendo perfeitamento o que você quer dizer. Também me pergunto por que os homens só gostam das mulheres do tipo safada, que os traem, os maltratam, ao passo que as que querem um relacionamento serio, com compromisso de verdade, são sempre enganadas, abandonadas, engravidadas e acabam sozinhas (eu estou sozinha no momento).
    Nunca fiz esse tipo de mulher que você citou. Acho que é por este motivo que só me aparece caras do tipo que você descreveu fingi ser: canalhas. Nem por isso vou começar agora. Não posso fingir ser uma coisa que não sou. Vai que algum cara acredita, ai já era! não vao me respeitar mesmo.
    Acho que nao se pode desistir. Siga firme com seu proposito, seja ele qual for e boa sorte.

  38. Rita comentou no dia 13/set/2010 às 9:20 pm

    Desculpe, não duvido que tudo isso aconteceu com você, só discordo no que se refere a motivação. Já te ocorreu que talvez você procure o esteriótipo de mulher que gosta de safados? Não sei quantas somos mas, considerando a imensa favorabilidade estatística ao mundo masculino, ainda que sejamos apenas 10% trnho certeza que este número é mais do que suficiente para que você encontre uma mulher bacana. Acho que se você observar melhor o tipo de mulher que procura, talvez descruba que você não dá a menor bola para aquelas que são como você. Em resumo, no geral empatamos, haverá um monte de mulheres que nunca serão olhadas pelos caras como você, porque, no fundo, vocês gostam é de um esteriótipo que gosta do safado. Tente rever o seu padrão talvez seja muito mais fácil do que você pensa encontrar alguém legal.. só cuidado… talvez ela não tenha a aparência que vc procura ou esteja nas baladas que você frequenta que certamente é frequentada pelos tais 90% que você comenta.

  39. Paulo comentou no dia 13/set/2010 às 11:02 pm

    Gostei do comentário da L. !

  40. Carol L. comentou no dia 14/set/2010 às 2:03 am

    Ótimo texto! Fiquei com dó de vc… sabe pq? Pq eu concordo plenamente com o seu texto, até enxerguei as cenas, lembrei rapazes bonzinhos que gostaram de mim, do tipo pra casar (estereótipo que a gente diz querer), mas não dava, meu coração insistia em bater mais forte pelos babaquinhas que nem me davam bola… por aqueles que eu tinha que disputar a atenção com 2 ou 3, ou 10 outras moçoilas. Eu pensava: ah bem que eu podia ficar com esse “bonzinho” pra tentar… mas e se não der, ele é capaz de quebrar, de se matar… tão sensível, coitado, melhor deixar ele quietinho no canto dele, melhor um não bem dado e cortar o mal pela raiz agora do que dar uma chance a ele e ter que terminar depois deixando ele mais machucado ainda… É sério.
    Concordo com muitos comentários aqui, mas mó preguiiiiça de comentar tudo… Vou comentar da @ L., que eu achei muito interessante: se sentir o homem da relação não é nada legal!!! Ter um cara que te passa a impressão de ser dependente de vc, de viver pra vc sufoca! Experiência própria! Só não concordo quando muitos começam o comentário com “mulher é complicada mesmo…” pq na verdade, o ser humano é que é complicado.. homem tbm se amarra em “mulher safadona”. E ae, vou ter que concordar 100% com a Rita aqui em cima…
    Eu tenho um ex que foi pisado por mim dois anos e meio, traições, mentiras, ele sempre em último plano e era a-p-a-i-x-o-n-a-d-o, aliás, ainda é, ainda me procura, ainda quer “tentar”… foi muito difícil terminar com ele, ele era tão dependente, a vida dele girava tão ao meu redor, que eu tinha até medo que ele tentasse se matar (tá, tô exagerando um pouquinho, rsrs)… mas eu tentava terminar e ele não deixava, implorava pra “não fazer isso com ele”. E ele mesmo confessou que apareceu na vida dele, nesse tempo que estamos separados, uma menina “boazinha”, linda, maravilhosa, inteligente, apaixonada… mas ele não consegue gostar dela.
    @Viviane Mclean citou o ensinamento da bisavó e eu tbm estudei por essa cartilha, tinha até uma frase mais forte que essa: “o amor nasce do desprezo”.
    @Carol, minha xará, mencionou outro ponto interessante: momento. Tem dia, tem hora, que vc quer xameguinho… tem hora que vc quer que te “jogue na parede e chame de lagartixa” msm, né @loiralien… kkkkkkk
    Eu tô paracendo o dono do post, comentando um a um os comentários do povo.. mas como peguei o post bem comentado já, só puide fazer concordar com a mulherada. Ah concordo tbm com o lance da idade que foi “o mais votado” nos comentários… pelo menos eu me vejo hj, com 26 anos, bem mais segura de mim, pra ficar com um bonzinho, se é que me entendem! Não é mais tanto a adrenalina que me seduz… e sim a segurança.

  41. Diou comentou no dia 14/set/2010 às 9:01 am

    E não é que o Paulo mandou bem no texto?
    Eu quando mais novo sempre fui daquele que era o cara bonzinho, romântico e blablabla.
    Mas quebrei a cara umas quantas vezes. Liguei o tal “modo safado”, e comecei a ficar com garotas sem muito interesse além. Ganhei certa fama de galinha. E no começo me sentia mal com isso, ficava bravo. Mas e não é que todas que vinham e diziam que já tinha ouvido falar de mim, da minha “fama”, acabaram ficando comigo depois? Vai entender!
    Hoje em dia eu prefiro estar solteiro, fico com as gurias, digo na lata que realmente não quero nada além disso. Continuo sendo um cara que respeita as mulheres (pelo menos concientemente sim). Deixo tudo pela sinceridade da coisa. Se não gosta, já sabe como sou. Eu tenho ainda a idéia de me aquietar, de ter família, filhos. Mas deixo isso lá pelos 30 anos. Por enquanto vou continuando a curtir minha liberdade.

  42. Renata comentou no dia 14/set/2010 às 1:29 pm

    Não adianta, é a mais pura verdade.
    Fui criada pelo pai mais feminista do mundo, treinada pra mandar e decidir tudo em meus relacionamentos e moldada para nunca me submeter a nada que ferisse meus princípios.
    Arrumei um namorado que era um santo, tudo de mais meloso que uma mulher pode falar que quer, ligava 20 vezes por dia, nao queria sair sem mim, etc. Julguei insuportável essa ‘dependência’ e terminei.
    Hoje namoro um que vive sua vida sem mim, praticamente, já me traiu, vive me deixando de lado por mil coisas mais importantes e cá estou eu, morta de apaixonada, falando que sou a mais bruta e decidida e que nunca vou me submeter a algo que nao aceite e que homem pra mim tem que fazer o que eu disser.
    O pior é que eu ainda acredito em mim mesma, que tenho todo esse amor-próprio e auto-respeito e fico me perguntando onde eles vão quando estou perto dele. Complicado, né? (na verdade não, larga o besta e vai atrás de outro)

  43. Thais comentou no dia 14/set/2010 às 2:30 pm

    Paulo, parabéns pelo post, o tema é interessantíssimo.
    Li a maior parte dos comentários e concordo em partes com vários, mas acho q o grande “x” da questão é o momento em que a pessoa está. Td mulher (entenda-se 90%) quer o cara bonzinho, mas não o bobo, capacho, aquele que ela faz o que bem entende e ele continuará lá a disposição. Como alguns rapazes comentaram, o que gostamos no cafajeste é a “malandragem” q eles possuem, sem falar a pegada, a autoconfiança, segurança, em resumo queremos Homens bem resolvidos, q saibam dosar atenção, carinho e respeito. E como comentei antes td é questão de timing, ás vezes vc encontra o cara que pediu a Deus mas ta machucada, achando que nenhum homem no universo presta e não irá corresponder as expectativas do cara, ou o contrário, vai achar q encontrou o “homem da sua vida” e o cara ta numa fase de curtição se querer engatar um relacionamento. Li dias desses um texto mto interessante sobre expectativas, como criamos e vamos alimentando-as de tal modo q mtas vezes acabamos nos decepcionando qdo a vida real não acontece como imaginamos em nossa mente. Algo pra se pensar!

  44. Keep walking... comentou no dia 14/set/2010 às 2:34 pm

    Tem que ta ligado!

  45. ANA comentou no dia 14/set/2010 às 3:47 pm

    Mas onde vc foi encontrar essas mulheres estupidas que não te valorizaram? amigo continue esse cara que vc é não finja ser uma coisa que não é pq uma hora A garota vai aparecer. Nossa tem mulher que luta tanto por um cara sincero que mostre o que realmente é, ou pelas coisas que se interessa e isso é tão dificil de encontrar. Você com certeza errou em algumas coisas, quem sabe se não tivesse fingido a sua ex não teria te sufocado talvez se sentisse mais segura. Bom mas a vida é cheia de acertos e erros se não deu com elas vai dar com outras garotas que realmente o mereça.
    beijos, beijos*

  46. Debs comentou no dia 14/set/2010 às 6:46 pm

    Paulo H,
    A-DO-REI o post!!!
    Sim, qual teu msn mesmo???
    huahuahuahua

    Bjins,
    Déborah

  47. Pâmela comentou no dia 14/set/2010 às 8:58 pm

    Yes, baby, conheço muitas meninas como estas da tua história e confesso: sempre penso “lá se vai mais um homem decente, que nunca mais será o mesmo depois dessa experiência”…
    As relações humanas são complexas demais, então acabamos generalizando para tentar entender certas coisas, ao meu ver, inexplicáveis. Mas, acredito que a maturidade naturalmente traga mais constância e discernimento para as moçoilas.
    Siga tentando. “Elas” existem.

  48. César Flokos comentou no dia 14/set/2010 às 10:08 pm

    Cara, essa história aí td mundo conhece!
    A grande verdade é :
    “O homem conhece a mulher esperando que ela não mude, e ela muda. Já a mulher espera que o homem mude, e ele não muda!”
    O Sonho das mulheres é o ‘Landon’ de “Um amor pra recordar”.. É o cara errado que ELAS e/ou por causa delas, muda! ela tem q se sentir responsavel pela sua mudança!

  49. César Flokos comentou no dia 14/set/2010 às 10:10 pm

    Ahhh.. e elas não gostam do cara certo que se finge de errado, elas gostam do errado que elas sabem que tá fingindo ser um cara certinho!

  50. Dizz Terryfild comentou no dia 15/set/2010 às 1:02 pm

    Cara! otimo post! ja passei por essa peleja e não foi brincadeira.mas a solução foi simples.o equilibrio e fluir mais. Digo com orgulho de mim mesmo que consegui (não sendo arrogante, mas, confiante).
    cafageste e bonzinho são rotulos. E rotulos são feito para refrigerantes. depois de muitos tapas da vida ( e não vou escapar de outros que podem vir – não sou perfeito), concluir que em vez de ser bozinho ou cafageste serei simplismente um Homem .”bonzinho” tem fidelidade mas não tem atitude e pegada que o cafajeste tem.O cafajeste tem a atitude e a pegada que o bozinho não tem,mas ele não se importa muito com o que a garota vai sentir ou não. enfim digo que por natureza todos os seres humanos são complicados. Porem a noticia boa é que quem decide o que quer e o que não quer é você mesmo. penso que sabendo o que você procura e tendo em mente o que você acha certo será um homem sem rotulos. no mundo dos relacionamentos (é o que eu acho), nós não devemos implorar amor ou algo com compromisso. nossas atitudes dão bons motivos para que algo bom aconteça entre um casal. caso não seja o suficiente haverá alguem que valorize ser. O que não pode é viver de mentiras ou esperar que alguem nos traga a felicidade. se vc se considera do grupo dos “bonzinhos” e que seguir aquela receita de bolo de fidelidade, amor, carinho e apoio onde esta o homem nisso? se vc esta no grupo do “cafa” e tem pegada, atitude, mas engana, não ta nem ai com as pessoas onde esta o homem? em todos esses rotulos a mulher acaba enjoando cedo ou tarde ( ou epla dependencia do bonzinho ou por ser usada demais pelos cafas). em todos esses casos prefiro ser um homem de palavra e com pegada, um homem que a mulher encontrará não como um coitado e nem como insensivel. um homem que ela tenha liberdade de dizer o que pensa e que nem sempre será acatado prontamente (sem que haja respeito de espaço). um homem que é carinhoso e tem uma pegada que ele vai se sentir a mulher mais gostosa do mundo (sem exageros). Que ela sabe que ele a respeita, que considera seu espaço mas que ela pode perder a qualquer momento se ela pisar na bola. enfim um cara que inova a qualquer momento.

  51. T.F.S comentou no dia 16/set/2010 às 10:26 am

    O cara ta certo, mulher é imprevisivel e um negócio complicado, nem eu consigo me entender algumas vezes. Acontece que isso esta no nosso inconsciente e não percebemos do que realmente gostamos…

  52. Ricardo S comentou no dia 16/set/2010 às 12:26 pm

    Interessante mesmo o post. Sou um exemplo clássico do bonzinho, tímido, atencioso, fiél, etc, etc, etc. Minha timidez excessiva às vezes gera um certo “mistério” para as mulheres, que como não conseguem decifrar o meu jeito, pagam pra ver qual é a minha. Enquanto estou sem muito interesse corre tudo as mil maravilhas, mas basta eu começar a gostar e passar pro “bonzinho mode” que a coisa estraga. Preciso de um curso intensivo sobre como interpretar um cafajeste, urgente rsrs

  53. KnightMare comentou no dia 17/set/2010 às 12:53 pm

    Sinceramente, o que vejo aqui são muitas leitoras de “Capricho” e revistinhas afins. Passam a adolescência curtindo e depois dos 30 querem continuar curtindo também. Só que se dão conta que estão sozinhas e querem um babaca para assumir. Mulher depois dos 30 continua gostando de cafajestes, mas vêem que precisam se casar afinal nã ficarão eternamente atraentes.

  54. ricardo comentou no dia 18/set/2010 às 12:50 am

    KnightMare,
    é por aí mesmo, a mulher quando se apx dos 30 anos vão atrás do bonzinho.

  55. ricardo comentou no dia 18/set/2010 às 12:59 am

    e outra que conversa é essa que todo homem se amarra em mulher safada, só se for pra comer. Com raras exceções alguns homens adoram ser cornos.

  56. Rick comentou no dia 18/set/2010 às 3:04 pm

    Post bacana hein… esse sim merecia virar livro, rsrs.
    Essa semana mesmo, conversando com uma amiga muito antiga, citei 2 amigos que não valem uma paçoca. Já adianto, pra mim não é uma questão de ser cafajeste ou não, é não prometer o que você não está a fim de cumprir, e saber que você não é melhor que ninguem, mas ninguem é melhor que você. amor próprio diacho.

    Mas então, ela me disse pra eu nunca ser igual a eles, etc, etc… eu só virei pra ela… engraçado, tem uma amiga minha que eu acho uma fofa, ela vê centenas de qualidades em mim, mas eu nunca saí com ela. os dois já. e é fato. está noiva agora, mas já saiu com os 2, e até onde eu sei sem muito esforço de ambas as partes… e aí josé? rsrs.

    Como o felipe falou, não precisa levar nem tão ao norte, nem ao sul. Mulher gosta de Homem. seja homem e pronto. Eu não quero ninguem na minha bota. nem achando que pode fazer o que quiser que vai ficar por isso mesmo. Eu respeito e digo sempre a verdade, mas se atravessar caminha. só isso.

    puta post

  57. Leandro comentou no dia 28/set/2010 às 4:29 pm

    parece que leu a minha alma! rs TOP

  58. Monty comentou no dia 30/set/2010 às 10:27 pm

    De boa mano, eu passava por isso, eu achava que dando a elas o que elas queriam eu estava conquistando elas, e não estava!!!
    Depois que comecei a diferenciar o que elas querem e o que elas precisam, a coisa mudou de rumo. Eu continuo um cara romântico, e continuo ficando com elas sem precisar de ser um cretino. Vc tem que mostrar que que não é VOCÊ que precisa dela, e sim ela que precisa de vc.
    BTW, ótimo post

  59. Marco Antonio Sens comentou no dia 03/out/2010 às 10:40 pm

    Fato! Mulher se diz mais inteligente e baboseiras a parte mas não sabe nem se controlar e enxergar a verdade!

  60. Elen comentou no dia 21/nov/2010 às 12:51 am

    Cara, eu penso que você tem que ser você, se você quer alguém sincero também. Fato que existem mulheres burras que agem desse modo, e são muitas. Contudo, adentrar nesses joguinhos só atrai esse tipo. Felizmente meu bom senso me afasta desse tipo de gente, tanto homens quanto mulheres. :)

  61. Elen comentou no dia 21/nov/2010 às 12:54 am

    Monty
    - Na boa, eu não entendo. Ambos precisam um do outro, não é uma competição, é uma união. Juro que não faz nenhum sentido pra mim e não sei como algumas pessoas conseguem gastar tanta energia nessas relações. Podia ser tão mais simples.

  62. Susu comentou no dia 23/nov/2010 às 11:49 pm

    90%?????????
    Amigo, vc está mto enganado…. Tenho mtas amigas, e realmente conheço varias que se enquadram exatamente nesse tipo. Mas tb conheço varias (inclusive eu) que querem justamente o bonzinho!
    O q acontece é que mto provavelmente, quem le esse teu blog tem um determinado perfil, mulheres de balada, q devem estar numa fase de pegaçao.. (nao me pergunte como vim parar aqui). Logo, a maioria vai querer “O SAFADÃO”.
    Agora, experimenta frequentar outros ambientes, lugares mais serios.. vc ta procurando no lugar errado!!!!!! Isso pq provavelmente vc tb gosta de uma “safadona”!
    ATRAÇÃO PODEMOS SENTIR POR MTOS, MAS UM RELACIONAMENTO SÉRIO É MTO MAIS QUE ISSO. É ATRAÇAO, AMIZADE, TRANSPARENCIA. NAO DA PRA TER ISSO COM ALGUEM QUE TE TRAI E NAO TE VALORIZA.
    Não consigo acreditar que a maioria vai preferir o “SAFADÃO” na hora de casar. E essas mulheres que preferem, devem estar sozinhas…
    Com a maturidade vão perceber como e bom ter alguém que te ama e demonstra ao seu lado!

  63. leonardo fritz comentou no dia 11/dez/2010 às 10:53 am

    É Paulo, digo muito isso ao meus amigos, so que eu nao consigo ser como eles.
    tenho 27 anos, estou solteiro a 3 anos e so pego as que mais conheço ( nao que seja ruim, mas nao é meu tipo de relacionamento[mulheres mais veja que eu])
    ja sofri muito com isso, e quanto mais eu chego perto dos 30, mais so considerado velho, estragado e nao aproveitavel ( isso eu vi nao mini serie afinal o querem as mulheres), ja escute isso em baladas tambem!
    Uma certa vez, quando novo, fui esculachado um ano inteiro por uma menina, no fim do ano que estudavamos juntos na escola, eu ja nao agurntava mais ela, ja estava revoltado com tudo que ocorria comigo (bullying por parte dela), achava ela a mais linda e sofri na mao dela.
    Quando sai da escola, passei a encontrar com ela na rua e senti tudo diferente, persebi que tudo aquilo era fachada, ela so tinha vegonha de estar perto de mim, por nao ter a beleza propocional.
    O que q uero dizer com isso, as vezes os sertinhos se dao mal nao pela parte de elas so gostarem de um safado, mas pq sente vegonah de estar com um correto e jentil a imagem do safado é melhor!

  64. Camila Góis comentou no dia 23/dez/2010 às 9:11 am

    Ao contrário de muitos que escreveram por aqui, eu tiro uma lição totalmente diferente do relato. O fato não é gostarmos de camaradas não legais. Sempre buscamos alcançar algo novo em um relacionamento, embora ele seja de um período mais longo ou um único momento. Mas o que nos atrai é o olhar dos outros. Não olhamos nossa vontade, buscamos sempre a sensação alheia. É simples explicar. Nunca estamos felizes com nossas conquistas, queremos sempre mais, e se alguém próximo tem a mesma coisa que você, idêntico ao que conseguiu ainda sim o da outra pessoa é melhor que o seu. Isso acontece nos relacionamentos. Estamos certos, procurando alguém legal, que lhe dê atenção. Mas se não é atraído pelos amigos, conhecidos ou qualquer outra pessoa que envolva seu ciclo social, torna-se comum. E qual foi a primeira coisa que eu disse? Sempre procuramos algo novo. SEMPRE!! E aí é que quando vimos alguém, se envolvendo com tantas pessoas, desencanada, querendo apenas curtir a vida, sem querer nada sério, isso nos interessa. Por que é o que está atraindo as outras pessoas, pelo menos é o que conseguimos enxergar. Contudo, quando reconhecemos a sua verdadeira personalidade, estamos envolvidas o suficiente pra querer, apesar de saber que não vale a pena, algo mais sério.
    É onde nos apegamos e nos colocamos na situação de apaixonada. E até na vida amorosa somos CONSUMISTAS ao extremo. Só queremos o que atrai a sociedade, o que não conseguimos ver! Mas no fundo, estamos esperando alguém apenas que, apesar de ser observado por todos, tem olhos só pra você!

  65. Laís comentou no dia 31/dez/2010 às 11:37 am

    Oii em primeiro lugar vc esta certo sou mulher e conheço muito bem minha espéce agente mulher nao saber muito bem o que quer fala que quer um homem fiel, serio. carinhoso, bom e etc mais no final o que agente gosta e msm e de homens safado que tenha pegada e etc bom era só isso que eu queria fala beijo pra vc e cuidado as maiorias das mulheres só brinca com os homens pq já foi iludida xauu

  66. Cesar comentou no dia 07/jan/2011 às 1:44 pm

    Você tem que sempre ser você, independente das suas experiências. Tenha paciência que a hora certa vai aparecer a mulher certa que gosta do jeito que você é. esquece este esquemas de baladas que é tudo falsidade, na balada a maioria tá solteiro por opção ou não e a grande maioria carente. Não siga exemplos de amigos e tal, seja você e evite procurar mulher para algo sério em balada, pode acontecer, mas não é o melhor lugar. No seu caso acho mais fácil a mulher te conhecer primeiro e depois comçarem algo, so toma cuidado para não se entregar tão facilmente e não deixar ela ter a sensação de que você está na mão dela, evite isso.

  67. Ale comentou no dia 02/fev/2011 às 2:25 pm

    Excelente post.
    Muitas coisas a serem levadas em consideração. Idade, maturidade, relacionamentos anteriores, etc…
    Tenho 30 anos e na minha juventude era um cafa. No sentido de não querer nada sério, porque sempre fui um cara bom de coração… rs (existe isso?)
    Bem, a verdade é que me dava bem com a mulherada, principalmente as safadas. Mas, também atraia mulheres boazinhas, só que como algumas falaram, estas logo eu deixava de lado pois me atraim e procurava as safadas.
    Hoje, muito mais maduro, sou um bonzinho que já foi cafa… E esse pra mim é o CARA que ela querem… um cara bom que tem pegada! Assim, sei que muitas vezes os cafas chegam na minha frente para pegar a mulherada, que “querem” o bonzinho, mas se sentem atraidas e se entregam muito mais rapidamente aos “cafas”… Demoro mais pra encontrar alguém, no entanto quando uma mulher resolve dar uma chance pra mim, achando que entrará numa relação com mais um “bonzinho bobo” ela se surpreende e acaba rolando relacionamentos muito bacanas.
    Concordo que o problema é tanto dos homens como das mulheres. Só lamento que são muito poucas as mulheres que resolvem dar uma chance de conhecer um bonzinho mais a fundo… pois ele pode ser um ex-cafa que atualmente está procurando um relacionamento mais sério, e que assim como qualquer outro “cafa” lhe dará tanto prazer, além de carinho e amor verdadeiros.
    Fui…

  68. Ana comentou no dia 13/abr/2011 às 11:36 am

    Isso é fato! Casei com um homem bonzinho e só depois que ele comecou a me tratar como um cafajeste é que dei valor a ele. Acho que a gente fica sonhando com o dia de que ele voltará a ser bonzinho.

  69. lukas comentou no dia 03/set/2011 às 1:13 am

    galera pelo pouco q eu sei de mulheres é o seguinte.o relacionamento para elas é como uma queda de braço mantenha seu braço firme se nao vc perde. resumindo:nao dê a ela oq ela quer se não é fim de jogo =D

  70. Doutor da Sedução comentou no dia 18/out/2011 às 11:07 am

    Bom, pessoas iguais se gostam e se identificam…
    se você só pega mulheres inseguras, é porquê você também é.
    Não é preciso ser cafa para ter atração, é preciso ser VOCÊ. Por quê? Porque o estado natural é o estado mais confiante que existe, logo o mais atrativo. Bajular mulheres não é ser você mesmo. Você precisa ter valores e princípios e julgar mulheres de acordo com isso, essa é a chave. Cafajestes não pegam mulher porque são maus, pegam porque são confiantes. E muitos são inseguros, quando a mulher descobre que isso é uma máscara, ele perde ela.
    Se você quer ser bonzinho e pegar mulher, é só vc ser você sempre. Se ela gosta de você agora, vai continuar gostando se você continuar sendo você. Se você fingir ser seguro, mas depois deixar cair sua face insegura, tás fudido…

    ACONSELHO A LEREM The Rules Of DAVID X traduzido

  71. Lilizinha002 comentou no dia 19/out/2011 às 8:31 pm

    Muito bom o seu post.
    Acho que muitas mulheres são assim mesmo, mas enquanto não amadurecem ou aprendem a lição. Falo por mim que fui muito ingênua por muito tempo e, em busca do príncipe encantado (como nos filmes e revistas) ia sempre atrás do mais bonito e descolado e caia sempre na mesma armadilha. Saia chorando me sentindo vítima dos homens. Penso que com o tempo a gente vai pesando as atitudes e os resultados, as experiências e as lições que ficam,,, aprendemos a separar o joio do trigo e passamos a escolher melhor os tipos de pessoas que queremos que participem da nossa vida.

    Um recadinho pra você: curta a vida, divirta-se. Quando chegar a hora você vai encontrar o que procura. Enquanto isso, viva tudo o que tiver que viver… aproveite a vida!!!

    Um beijo grande,

    Lilizinha.

  72. ALFA. comentou no dia 12/nov/2011 às 6:30 pm

    Sejam bonzinhos com as mulheres,sejam atenciosos,carinhosos,e vcs nao as teram.
    Isso é tipico de HOMEM BETA. Os HOMENS ALFAS sao DOMINANTES nao se importam com as opinioes das mulheres,sao confiantes,tem atitude.
    RESUMINDO: SÃO O PREMIO,sao as mulheres que correm atras deles nao eles q correm atras delas.

  73. Maria comentou no dia 22/dez/2011 às 7:01 pm

    Oi!!rsrsrsrs Procurando aqui na net entender um pouco sobre o comportamento humano ,principalmente dos e das cafas , encontrei este divertido e quase acertado post. Talvez vc seja o (bonzinho) rsrs que eu tenho procurado , quer namorar séeeeerio comigo seu cafa?kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  74. Tatiane comentou no dia 19/abr/2012 às 5:14 pm

    Nossa , puxa nunca vi um texto que falasse tão bem a realidade..Gostei muito. E eu como mulher concordo que os errados muitas vezes chamam a atenção mais do que certos. Os errados nos atraem muito , mas amor de verdade quem consegue mesmo é os “bonzinhos.”

  75. Judson Kley comentou no dia 16/jun/2012 às 2:29 am

    Achei tudo muito bom’ Mais oque eu não concordo é que os homens que tem que chegar nas mulheres’ Pois a gente já esta no século 21 e não tem mais NADA aver uma garota chegar em um rapaz. Certos homens acham isso ate bom. Pois ela vai ser conhecida como uma mulher de grande atitude.

  76. Daniel comentou no dia 04/jul/2012 às 6:03 am

    eu penso o seguinte, essa discussao de safadoes etc, na verdade eh akela historia “pq elas preferem os bad boys e nao os bonzinhos”, muito simples bonzinho eh visto como bobo/idiota, elas vao negar isso, nunca vao assumir, mas eh fato, vejamos q muitas vezes eh confuso tudo isso, e ngm entende, exatamente, ngm entende msm, e pq nao entende ? eh pq nao eh pra entender msm, isso eh o instinto e nao a logica ou o racional, esquecem q somos animais ? somos racionais mas ainda somos animais, leve para os instintos primitivos, a mulher vai kerer sempre alguem q possa protege-la q passe segurança a ela, isso eh o instinto, sempre o macho de todas as especies protegem a femea, e o msm acontece com nos humanos, agora veja o bonzinho/idiota ou o bad boy, ql no ponto de vista eh capaz de protege-la e passar segurança, eh claro o bad boy, essa eh a resposta, e qto mais trai mais trata mal mais ama ? sim eh fato ! e pq isso ? pq as mulheres sao um bixo muito fdp extremamente competitivas, se vc as trai elas kerem vc de volta, mas nao exatamente por vc, e sim para mostrar para a outra femea q ela eh melhor e vc eh dela, entendem ? akela historia “estou solteiro nem uma mulher olha pra mim, estou namorando todas as mulheres olham pra mim”, ai vem a competiçao elas kerem vc para mostra para a outra q sao melhores, mulher eh o animal mais egoista q existe, elas kerem ser desejadas nao importa como, otra prova disso é a amizade de mulher com mulher ser um lixo, elas competem entre elas, as mulheres sao amigas por varios anos, até entrar um maxo na vida delas q elas nuncam viram ou conviveram, e adeus amizade a competiçao esta instalada e adeus os anos de amizades por um cara q xegou ontem na vida delas, e sim homens só veem a aparencia ou a maioria deles, se for bonita e gostozona serve, senao nao serve, tbm eh o instinto do homem, meu conselho eh, mulher nao vale nda, sua natureza eh deploravel, alguem q poem o macho na frente das proprias amizades por competiçao eh um lixo, o instinto e a natureza da mulher eh uma merda, façam o teste, vc q nunca teve mulher, pague uma linda e gostoza pra andar com vc de mao dada e passe pelas outras mulheres, no otro dia vai ter varias pra vc comer tranquilamente, eh uma natureza medilcre a delas, e nao sou machista sou realista q eh diferente !

  77. Nandovitorioso comentou no dia 13/jul/2012 às 6:06 am

    Cara eu hoje em dia no alto de meus 30 anos posso afirmar que o ideal é ser como um colega citou a cima, vc deve se um homem dominador e safado porem sincero e sensivel como o bomzinho. Para uma relação dar certo é preciso bem mais que cafasjetice mas sim segurança e estabilidade do tipo (R$), entendeu? Mas acredito que no final de tudo vence o amor que foi esquecido por todos a cima e o amor tudo suporta e supera.

  78. Intelespector comentou no dia 14/jul/2012 às 8:03 am

    Perfeito o cara ai de cima fechou o assunto!

  79. luciana comentou no dia 02/fev/2013 às 1:58 pm

    penso que gostamos de sexo como vcs homens, e sexo é sacanagen, bom o homen não consegue ser sacana na cama e fiel fora dela, cafageste na cama e protetor fora dela, por isso sofremos, vcs só aprenderam a fazer sexo

Faça seu comentário





Assine o Feed do Diário de Solteiro

Quer receber as atualizações do Diário de Solteiro? Basta assinar nosso feed. Você pode receber as atualizações em seu leitor de feeds favorito (como o GoogleReader) clicando aqui ou pode inscrever seu e-mail abaixo e receber as novidades direto em seu e-mail diariamente!

Onde estamos

O Diário de Solteiro tem conteúdo espalhado por várias redes sociais. Participe conosco e faça as comunidades crescerem!

Últimos posts


© 2008-2011 Diário de Solteiro - Todos os direitos reservados